Advocacia faz alerta ao STF e pede atenção à segurança jurídica