Combate ao racismo estrutural: uma questão de democracia