OAB SP participa nas conversas do projeto multidisciplinar da prefeitura na “Cracolândia”

Tweet


09/02/2017

OAB SP participa nas conversas do projeto multidisciplinar da prefeitura na “Cracolândia”
Marcos da Costa, presidente da OAB SP, participa da 3º Reunião do Projeto Redenção

O presidente da Seção São Paulo da Ordem dos Advogados do Brasil, Marcos da Costa, participou na manhã desta terça-feira (07/02) da terceira reunião do Projeto Redenção, que tem como objetivo erradicar o tráfico de drogas em oito regiões da cidade conhecidas como “Cracolândia”. Durante o encontro foram apresentados planos de ação em sete campos, como social, medicinal, policial, urbanístico, de zeladoria urbana, além de mecanismos de colaboração da sociedade e de comunicação social. Representante da sociedade civil, Marcos da Costa informou que conversou com instituições da sociedade civil e a disposição para conhecer e colaborar para a formatação do projeto é clara.

Para o prefeito de São Paulo, João Doria, o êxito absoluto do projeto contempla um tratamento que envolva esses sete campos de ação. “Por isso essa atuação conjunta dos Governos Federal, Estadual e Municipal, e da sociedade civil representada pela OAB SP e a promotoria pública. O encontro foi mais um passo importante no conjunto de ações que vamos estabelecer para implantação desse programa”, explicou Doria para acrescentar que a próxima reunião foi marcada para 13/03 e vai incorporar ao grupo as secretarias municipal e estadual de Habitação.

Execução
A previsão do prefeito é que o projeto seja colocado em prática ainda no primeiro semestre deste ano, com caráter contínuo. “Você não faz essa ação apenas em um dia ou em uma semana e, sim, executa num prazo relativamente curto, mas mantém permanentemente. Aliás, o valor do resgate está na permanência constante do programa. Os dependentes não vão ficar na rua. Eles receberão o tratamento clínico necessário e o atendimento social por meios das secretarias de desenvolvimento social e da saúde do município e do estado”, descreveu o prefeito.

Participaram do encontro, que durou aproximadamente duas horas e meia, o secretário estadual da Segurança Pública, Mágino Alves; o secretário municipal de Saúde, Wilson Modesto Pollara; a secretária municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, Sônia Francine Gaspar Marmo; a representante do Ministério Público, Lidia Helena Ferreira da Costa dos Passos, entre outros integrantes de secretarias municipais e estaduais.