Cidadania e conquistas da Advocacia pautam discurso de Caio Augusto na outorga de Carteiras em Ourinhos

Tweet


09/03/2020

04.03.2020- Entrega de Carteiras da Subseção de Ourinhos

Entrega de Carteiras aos advogados e advogadas recém-ingressos nos quadros da OAB e visita à construção da nova Casa da Advocacia da Subseção marcaram a agenda de trabalho do presidente da OAB São Paulo, Caio Augusto Silva dos Santos, à cidade de Ourinhos (04/03). A população do município e da região passou a contar com 14 novos advogados e advogadas para a defesa de seus direitos.

Para Caio Augusto, trata-se de uma das mais importantes solenidades da entidade. “É a ocasião que temos nossas forças renovadas para continuar a luta na preservação dos direitos constitucionais do Estado Democrático”, afirmou à plateia que lotou o plenário da Câmara Municipal da cidade. Para além de advertir sobre as responsabilidades da profissão, com o múnus advocatício de assegurar os direitos de cidadania, a manutenção da ordem pública e os preceitos constitucionais, o dirigente chamou os novos operadores do Direito a conhecerem e participarem das atividades da Secional paulista e da Subseção.

Em contrapartida, acrescentou que a entidade emprega, constantemente, recursos para dar suporte técnico e intelectual à Jovem Advocacia. Entre as quais, citou os cursos oferecidos pela Escola Superior de Advocacia e os eventos promovidos pelas Comissões temáticas, cujo comprometimento é acrescentar qualificação profissional à classe. “Todos os cursos da ESA, na modalidade de ensino a distância, são inteiramente gratuitos nos três primeiros anos de inscrição”, enalteceu, ratificando a readequação das contas na atual gestão no intuito de oferecer mais serviços, sem sobrepesar o valor da anuidade. “Essas conquistas são possíveis graças à união de todos os dirigentes e conselheiros Secionais, das 243 Subseções do Estado e da CAASP", reforçou.

Na linha de cidadania, ressaltou que a Advocacia se manterá vigilante à frente das lutas democráticas. “É nosso dever fazer com que a Constituição e as leis sejam respeitadas. Assim, cumprimos o juramento feito nesta solenidade, de defender o cidadão, a maior autoridade de todas”.

Reforçando o trabalho da OAB, o presidente da Subseção, Fernando Alves de Moura, observou a defesa das prerrogativas e a ética, elementos essenciais para o bom desempenho profissional. Ilustrou sua fala com a exibição de vídeo, cujo conteúdo foi preenchido por reuniões da diretoria e das Comissões temáticas. Aproveitou para agradecer o novo olhar da atual diretoria da Ordem paulista para o interior do Estado. “Quero agradecer o carinho dessa gestão com a nossa Subseção, em especial pela autorização para construção de nossa sede”, comemorou. Localizada na rua José Justino de Carvalho, a Casa tem salas e espaços adequados para atender os profissionais do Direito, bem como amplo auditório para abrigar cerca de 100 pessoas.

Em sua fala, o paraninfo da solenidade, Fábio Stefano Motta Nunes, coordenador das Comissões da Subseção de Ourinhos e relator da 22ª Turma do TED, chamou os ingressantes para se aproximarem da entidade. "Conheçam a OAB e os benefícios que ela oferece”, disse. “Mas, acima de tudo, não tenham receio de ser combativos”, completou.

Por sua vez, o conselheiro Tayon Soffener Berlanga ressaltou aos novos inscritos os desafios da profissão. “Vocês são aqueles que vão levar o cidadão até a Justiça”, disse. A mesma direção foi adotada pelo advogado e vereador Alexandre Araújo Dauage, que representou o presidente da Câmara na solenidade. A leitura do Termo de Compromisso foi feita pela advogada Renata Vieira Pedro dos Reis.

Presenças
Acompanharam a solenidade os conselheiros Secionais José Meirelles Filho, Carlos Alberto dos Santos Mattos e Carlos Eduardo Boiça Marcondes Moura, bem como toda a diretoria ourinhense: Antônio Pedro Arbex Neto, vice-presidente; Juliana Cristina Amaro Petermann, secretária-geral; Rafael Ken Fukuyama, secretário adjunto, e Ângela de Souza Martins Teixeira Marinho, diretora-tesoureira. Compareceram pelas Subseções: João Francisco Gil, presidente de Palmital; Daniel Piccinin Pegorer, presidente de Santa Cruz do Rio Pardo; Tércio Spigolon, vice-presidente de Marília, e Pedro Gonçalves Gualhardo, diretor-tesoureiro de Marília.